- OPINIÃO

VAMOS VENDER O CC? PARTE II.

Escrevi no ultimo post, por estas paragens, a ideia de vendermos o CC. Claro, é uma metáfora e o intuito era de despertar uma sinergia, embora nem sempre positiva no querido leitor desse espaço.

Também comentei que traria alguns dados e com autorização expressa do contratante – respeito o código de ética – do trabalho a qual participei sobre as marcas dos clubes da capital.

Sei que toda pesquisa sobre clubes de futebol, traz dissonâncias cognitivas, negativas ou positivas, no torcedor. Por diversas razões: fanatismo, desconhecimento dos métodos estatísticos utilizados nos trabalhos, fatores emocionais, rivalidades e por aí vai.

O trabalho que participei foi coordenado por um PHD em marketing, que atua em uma universidade australiana. Foram feitas sondagens no Brasil, Argentina e México e visava investimentos por parte de um grupo estrangeiro. Curitiba foi a cidade escolhida, no Brasil, por uma série de fatores.

Fui convidado pois trabalho com um poderoso software estatístico. Fui o responsável, no Brasil, por todo o trabalho de campo, tabulação e análise de dados.

O plano amostral contemplou quatro mil pessoas de cinco a setenta e cinco anos, em todos os bairros de Curitiba e todas as cidades da região metropolitana da capital, baseada em quatro milhões de pessoas, pelos dados do censo do IBGE. O intervalo de confiança foi de 99%, para uma margem de erro de 2%.

Também foram feitos recortes na PEA – população econômica ativa – Os dados foram coletados entre julho e novembro de 2017. Ou seja, não se computa ainda a influência de mais uma queda da instituição.

O trabalho teve um corte transversal único e se baseou em causa e efeito, mapeamento perceptual e perfil.

É justamente no modelo mapeamento perceptual que o rombo se mostra estarrecedor. Hoje somos, pelo resultado do trabalho, a quarta torcida de Curitiba. Sei que isso mexe com os ânimos. Paciência! A gritaria deve ser direcionada aos que administraram e administram a instituição e não a um trabalho estatístico grandioso e com todo rigor cientifico.

Estamos atrás de Corinthians, Flamengo e Atlético Paranaense, inclusive na capital, nas faixas etárias acima de quinze a 25 anos. Está faixa etária está consolidada. É fruto das péssimas gestões o qual a instituição foi e o é submetida.

Chama atenção o grande índice de adolescentes que declararam não gostar de futebol, particularmente, em bairros da capital na qual o PIB é maior, como Batel e Bigorrilho. Porém, esse não é o dado que mais chama atenção.

O estudo foi planejado para avaliar cenários para os próximos vinte anos. Foi trabalhado, para este cenário, com crianças de cinco até 10 anos de idade. Aqui o abismo se mostra, para os clubes de Curitiba, assustador.

O instrumento de coleta buscou obter respostas de forma espontânea das crianças através de escores, estimuladas pela apresentação dos uniformes de vinte clubes. Dez brasileiros e dez europeus.

O primeiro lugar ficou com o Barcelona de Messi, o PSG de Neymar ficou em segundo – aqui se nota um viés. É o impacto da contratação do jogador brasileiro pelo clube de Paris, com uma exposição de mídia constante. O Real, de Cristiano Ronaldo, ficou em terceiro.

O CC foi o décimo primeiro e o Atlético paranaense o quinto. Ou seja, pela tendência da pesquisa, daqui a vinte anos a probabilidade de sermos mais nanico em termos de torcida é enorme. O resultado desanimou os futuros investidores.

Esse fator influenciou um outro trabalho, contratado a parte. O valor da instituição ou o Valuation. Para variar ficamos muito distante do nosso rival. A reportagem do portal Paraná Online, recentemente, sobre as diferenças no faturamento ente CC e CAP, confirma o estudo.

Estes são os dados que estou autorizado a comentar. Os dados foram enviados para revisão e entregues ao seu contratante no exterior.  

Fica a triste constatação. O estrago na instituição é brutal. Sei que o torcedor verde muitas vezes não entende estes dados, ainda orientado pela ideia romântica de uma instituição forte. Hoje, infelizmente, não o somos mais.  

O CC se encontra, nesse momento, numa encruzilhada. Se começarmos um trabalho sério, hoje, daqui a vinte anos estaremos no patamar que tínhamos a trinta anos atrás em termos de aficionados. Isso mesmo regredimos cinquenta anos. Por aí se nota o tamanho do rombo a qual a instituição foi submetida.

Como toda pesquisa o trabalho não é conclusivo. Sempre novos estudos serão bem vindos. É assim que caminha a ciência. Ao torcedor cabe a indignação e a cobrança para que se atentem a rápida deterioração da instituição. Precisamos agir e, rápido.

Porém, se nada for feito e as políticas rudimentares continuarem seremos um zero à esquerda.  Àqueles que acusam este espaço de “não contribuir” com a instituição fica a dica e de graça.   

Paulo Rink.

Share Button

114 Comentários em “VAMOS VENDER O CC? PARTE II.

  1. Excelente colocações e triste também para nós.P.R. além de competente mata a cobra e mostra o pau, com toda sinceridade como o Clube desperdiça um talento desse!!!

    Pessoas como nosso amigo, deveriam estar lá dentro trabalhando para o nosso crescimento e muito bem remunerados ainda.

    1
    1. Querido amigo. Thor. Obrigado pelas palavras. Não mereço tanto. Porém, foi com dor no “core” que li esses dados. Tem alguns piores. Porém, por motivos profissionais não posso comentar. Posso dizer o seguinte. A instituição agoniza

  2. Estou achando sensacional essa dinâmica futebol e opinião. Isso tem mostrado q aqui no feinho q pouco se salva a galera sabe e ensina como fazer.

    Já no MAIOR anda na base “essa é minha vida” kkk

    1
  3. Engraçado, alguns se preocupam com a aparência desse espaço. Outro diz q pouco se salva, mas não falam nada sobre o manda-chuva ter sido conselheiro eleito na gestão do J. Cirino…

    Sobre a parceria indomável então deve ser proibido kkk

    Postura estranha essa…

    1
  4. UM SÓ GRITO – OPINIÃO!!

    Medida começa na Arena da Baixada, mas será testada também no Couto Pereira. E aí, aprova?

    A pedido do Ministério Público do Paraná (MP-PR), com apoio da Polícia Militar (PM-PR) e da Delegacia Móvel de Atendimento a Futebol e Eventos (Demafe), os jogos de futebol em Curitiba passarão a ser testados com torcida única do time mandante.

    Inicialmente, o projeto-piloto ocorrerá somente nos jogos na Arena da Baixada. Em seguida, a intenção da Promotoria de Justiça é de que a medida seja estendida aos demais estádios da capital. A medida valerá para todos os jogos na cidade, não apenas em clássicos.

    Uma reunião na sexta-feira (11) definirá os detalhes finais do projeto para que possa ser colocado em prática a partir do dia 31 de maio, quando o Furacão recebe o Santos, na Baixada. Vale lembrar que Mario Celso Petraglia, presidente do Deliberativo do Atlético, é antigo defensor das torcidas únicas em estádios.

    Segundo o MP, o assunto vem sendo discutido com representantes de Atlético, Coritiba e Paraná, além das torcidas organizadas dos três clubes e a Federação Paranaense de Futebol (FPF).

    “A partir do momento em que você diminui drasticamente o número de policiais no entorno dos estádios, este excesso de policiamento pode ser usado nos dias de jogos conta crimes em terminais de ônibus, nas periferias, nas brigas combinadas”, explica o promotor de justiça, Maximiliano Ribeiro Deliberador.

    “A ideia é usar melhor a estrutura policia e permitir que aquele torcedor que tem medo de ir ao estádio possa voltar a frequentá-lo”, complementa.

    A MP-PR utiliza dados da Promotoria de Justiça do Consumidor da Capital que demonstram que, em São Paulo, onde a medida da torcida única já foi adotada, houve redução de 31% do efetivo do Batalhão de Choque de 15% do efetivo externo da PM necessários em dias de partida.

    Além disso, houve a diminuição em 65% no total de escoltas realizadas para o acompanhamento das torcidas organizadas em dias de jogo e o aumento de 23% do público presente nos jogos.

    “No Paraná, a expectativa é de que os números sejam ainda mais expressivos, uma vez que, diferente de São Paulo, em Curitiba a medida não se restringirá aos clássicos”, diz a nota da assessoria de imprensa do MP-PR.

    fonte: gazeta do povo

      1. Só passando aos amigos que sou contra torcida única e sempre vou ser, mas a questão nem e a violência em si, mas sim o desperdício de dinheiro publico em evento privado. Deixa de atender um assalto la no tatuquara devido a escolta de torcida organizada. O que pegou e ta pegando e isso. So queria saber das opiniões dos amigos.

        1
  5. Giban, não tenho opinião formado sobre esse assunto,mas temos que experimentar, eu soube que uma das hipóteses que queriam adotar,eram acabar com as torcidas organizadas até para liberarem a cevada, nos moldes da copa do mundo, pois segundo dizem as estatísticas, durante a copa do mundo foram positivas, todos juntos e misturados e inclusive com camisas de rivais lado a lado. Mas eu mesmo não tenho um palpite para afirmar .

    1. LP. Bato nisso inclusive em reuniões no MP. Não se pode ter como base a Copa do Mundo, pois ali não ha paixão, aquele fanatismo. E coisa momentânea, tipo um movimento social. Um carnaval fora de época aonde todos se toleram. Diferente da paixão clubística seria a mesma coisa que comparar banana a avião a jato. Mais lições podem ser tomadas como foi na COPA. Como organização, segurança e envolvimehto da sociedade.

    1. Certissimo meu grande irmao!!!!!!! Como falei eu sou contra torcida unica, sempre serei, pois quem perde e o Futebol e a sociedade de bem, mas vc vendo pelo lado do MP, acredito que tem fundamentos logicos.

  6. Ótima explanação essa do Paulinho, conversando com alguns empresario que já ajudaram o Coritiba, uma reflexão ficou em minha cabeça. Apesar de serem tempos diferentes, épocas diferentes, e até interesses diferentes em relação ao CORITIBA FOOT BALL CLUB. Mesmo na segundona em 2007 o Coritiba tinha excelentes públicos muitas vezes eram superiores a da primeira divisão,o Club teve muita ajuda de muitos empresários. Bem diferente dos dias atuais, segundo esse empresario em 2007 o Coritiba tinha um presidente atualmente o Coritiba tem um pseudopresidente. Será que isso não cai no que eu penso, sentar na mesa para negociar patrocínio além das partes interessadas o presidente tem que passar confiança para o futuro patrocinador, senão fica difícil.

  7. Alguém ouviu a entrevista da noiva do ano? Alguém sabe se ele falou sobre ex jogador Dirceu e porque trouxeram o Chico? Ele falou que estava bem antes na diretória do Club em 2009 do que o Vialle? Ou pularam essa e outras partes? Nem vou dizer o desrespeito que esse sujeito tinha com os funcionários do Club. E tem gente que baba ovo numa pessoa dessas, cruzesss

    1
  8. Antigamente era o esporte mais democrático para se praticar e torcer nas arquibancadas.
    Hoje virou apenas para os nutellas,capachos e soldadinhos ou torcidas organizadas com subsídios dos Clubes.
    Como eu disse,os poucos torcedores do bem e de verdade estão perdendo o espaço,simplesmente desaparecendo ou direcionado seus tempos para outras atividades.

    1
  9. Antigamente era o esporte mais democrático para se praticar e torcer nas arquibancadas.
    Hoje virou apenas para os nutellas,capachos e soldadinhos ou torcidas organizadas com subsídios dos Clubes.
    Como eu disse,os poucos torcedores do bem e de verdade estão perdendo o espaço,simplesmente desaparecendo ou direcionado seus tempos para outras atividades.(2)

    1
  10. A cegueira que o poder gera, acompanhada dos habituais bajuladores, tem sido muito prejudicial ao Coritiba.
    Deixar a arrogância de lado a assumir que está tudo errado é a única solução.
    O futebol brasileiro realmente tem caído de nível, principalmente porque os jogadores da maioria dos clubes não se esforçam o suficiente.
    Podemos pegar qualquer jogador, haverá diferenças gritantwz entre jogar no Coxa, sem uma gestão minimamente aceitável do futebol, e, por exemplo, no Corinthians.
    Aqui ele vai se arrastar em campo, fazer de tudo para não jogar. No Corinthians não tem dessa, se a direção não pega no pé, vem a torcida.
    No Coritiba, se criticamos, é porque queremos o pior.
    Deve ser difícil fingir que não vê o buraco em que o time mergulhou.
    Pior, alguns empresários, até uns que se dizem torcedores, se aproveitam da influência na falta de direção para empregar seus pangarés.
    Atualmente só venda, ou pelo menos a terceirização do futebol, salvará o clube.
    Também não vejo um grande gestor querendo assumir a presidência. Dono de cartório, professor, podem ter suas competências em suas áreas. Mas a gestão não é do dia a dia. Gerir um cartório não é igual gerir empresa. Só ver o resultado da gestão do tio Bacê. Dívida aumentou muito e cada hora é uma trabalhista.

  11. Essa aqui é para quem é coxa até na Série D.

    Premiação Sul Americana 2018.

    Todo clube que jogar 1ª fase 250 mil dólares (826 mil reais)

    Todo clube que jogar 2ª fase 300 mil dólares (991 mil reais)

    Todo clube que jogar oitavas de final 370 mil dólares (1,22 milhão de reais)

    Todo clube que jogar quartas de final 450 mil dólares (1,49 milhão de reais)

    Todo clube que jogar semifinal 550 mil dólares (1,82 milhão de reais)

    Vice-campeão 1,2 milhão de dólares (3,96 milhões de reais)

    Campeão 2,5 milhões de reais (8,26 milhões de reais)

  12. Fantástico seu texto P.R. Só prova mais uma vez que na menor tem gente que sabe bem o que está escrevendo. Aqui não tem segundas intenções escondidas. Falamos bem ou falamos mal mas sempre é pensando no melhor para o clube. Garanto que as pessoas de bem e que amam o clube entendem as críticas aqui postas.

  13. Sobre a contratacao do Alisson: Bom jogador. Acho que uma das melhorzinhas desse pessoal. Ah, mais e baladeiro! Pouco me importa que faz na folga desde que jogue e resolva nas 4 linhas. Lembre-se Pablo e santo e nao faz gol! Mas comparar ao saudoso Ze Roberto e no minimo se pia de predio e usar carcao largo. E outra se contratou um garoto problema pra tentar resolver porque nao utilizar o nosso que pagam duzentinho???

    1. Linda Festa ??? Desculpe caro José, deve ser piada. Um papelão de uma torcida ridícula que a única vez que chamou atenção na história foi por protagonizar uma vergonha nacional e fod** o Clube. É um dos grandes males dentro do CFC, um dos motivos do nosso fundo do poço, um bando que é usado como capacho de Dirigentes.

  14. Meu medo é que essas 6 primeiras rodadas sejam de ilusão para o coxa. Se verificar hoje quem nós enfrentamos, o melhorzinho foi o atlético-go que hoje está em 10º. Os demais:
    14º Brasil
    15º Oeste
    17º Sampaio
    19º Criciúma
    20º Boa
    É bom que continuem procurando reforços e que essa turma que está saindo do DM volte pra ajudar. Porque mesmo pegando só a rabera do Rural mix nós sofremos pra vencer por um gol de diferença nos jogos em casa e pra empatar um jogo fora.

  15. Uma dica ao MAIOR!! Se conseguir 100 mil visitas num vídeo o google manda uma placa. Daí vocês fazem uma matéria e mostram pra torcida como são os caras.

    Ao contrario é melhor aguentar o sarro sem ficar nervoso hein?

    1
  16. Imagine simples torcedores apenas hipoteticamente,dando uma dura num Cuspidor ou Alecsandro pelo fato de estarem sem empenho,rendimento,posicionamento tático ou técnico??
    O pior ainda é se estiverem usando sapatinhos de cromo alemão,a boleirada deveria olhar e pensar assim “ jogaram aonde esses feras “?
    Kkkkk
    Kkkkk

  17. Os estudiosos,experts, formadores de opiniões,torcedores e suas teorias:”futebol é uma caixinha de surpresas,o time não encaixou,o jogo só acaba quando o juiz apita,futebol não é uma ciência exata,intensidade,marcação alta,se doar,saber sofrer “… tá legal então,estamos na mais varzeana Série B da história,e podem anotar e me cobrem,subindo teremos com certeza falsos ídolos e heróis.
    E o principal que o discurso para o ano que vem será apenas fazermos um campeonato brasileiro sem medo ou sustos!!!
    Querem que o Coritiba seja grande novamente pangarezada??
    Cobrem e não se contentem com migalhas e mediocridade.

  18. Uma coisa é linda de se ver e constatar,como a MENOR está pautando muita gente mesmo que tímida e disfarçadamente.
    Alguma dúvida é só pesquisar no Tio Google e buscar opiniões e posicionamentos firmes e convictos!!

  19. No novo episódio do MAIOR, T.Y. (Tio YouTub) está dizendo q tem 500 e poucas visitas. Deve ter algum erro pois segundo dizem tem distribuições de senha pra acessar o troço.

    Se sou integrante do MAIOR colocaria a boca no trombone cobrando firme essa falha imperdoável do T.Y.

Deixe uma resposta