- OPINIÃO

Desejo de status.

O livro desejo de status, do autor Alain de Botton, traduz com realidade o porquê as pessoas assumem determinadas situações em suas vidas, mesmo correndo o risco do ridículo.

Isso explica, por exemplo, o fato de simples bacharéis das diversas ciências sociais, adicionaram mesmo sem ter a devida graduação o termo “doutor” ou “doutora” em suas placas e cartões de apresentação.

É uma pegadinha malandra, um jeitinho sacana de expor aquilo que não é. Explica um pouco a alma nacional de um povo.

Foi por um desejo de status que o mais fraco CEO do CC, até o momento, sempre é possível se superar, omitiu na entrevista de apresentação de seu quarto treinador em nove meses um detalhe interessante que ele mesmo levantou.

São palavras do CEO. “O treinador chega para se evitar uma “catástrofe”. Sob a catástrofe de não subir ou não cair o jornalista Augusto Mafuz, já descreveu, brilhantemente, em sua coluna num periódico.

A catástrofe das perdas monetárias também é irrelevante, afinal o moribundo carrega nos ombros o peso de administrações danosas ao seu caixa há muito tempo.

A catástrofe da perda em imagem, em respeito e em massa torcedora também é desnecessário arguir, afinal são chagas pequenas que o enfermo carrega em seu leito terminal.

Porém, o termo catástrofe precisa ser olhado por um outro ângulo. Na verdade a grande catástrofe se deu decorrente de um processo natural dentro da instituição: o democrático.

Analisando mais profundamente o termo “catástrofe” se dá no momento de homologação do estatuto do clube.

O que o CEO omitiu, na entrevista, é que a grande tragédia é, em parte, decorrente de sua péssima gestão.

Quem habita a área de administração, percebia lá traz durante os debates dos candidatos em monumentais portais, que os três postulantes não falavam alhos com bugalhos.

Divagavam em generalidades tolas. Uma “embromadinha” aqui, outra enroladinha ali, um numerozinho acolá, e assim se seguiu o enterro do coitado CC.

Porém, o mais preparado, segundo especialistas de plantão, não demonstrava em suas palavras convicções.

Passados alguns meses do fato o resultado aí está. Nada mais a se falar. Vá em paz, CC.

Paulo Rink.

Share Button

88 Comentários em “Desejo de status.

  1. Só tem uma parte q precisa ser observada é S. Namur dizer na época da campanha q só trocaria técnico caso tivesse uma catástrofe. Já trocou 3. Falta explicar aos sócios quais foram essa trinca de catástrofes.

  2. Com a perissão do P. Rink vou replicar mais uma vez um comentário de nosso amigo menoriano participante do “feinho”.

    Segue:

    Cristhiano 8 de fevereiro de 2018 às 10:57
    Samir, ainda estamos no início, por favor renuncie, teremos tempo para eleger um novo Presidente que terá tempo para endireitar a situação. Estou falando sério, lançando aqui (e quem espiar e quiser divulgar em outros sites e redes sociais será ótimo) este pedido da maioria da torcida Coxa Branca consciente. POR FAVOR RENUNCIE JÁ, E TENHA CERTEZA QUE SUA ATITUDE SERÁ BEM VISTA ! O CD convoca nova eleição e assim haverá tempo suficiente para a mudança antes que a situação saia de controle.

    1
  3. O Argel deve pensar que a torcida do Coritiba é idiota. Pelas declarações dele ele enxerga outro time. Deve se imaginar treinando algum clube da série A para dizer que está tudo lindo, que o time joga muito, que só falta confiança. Pelaipe é outro, agora com o papo da torcida carregar essa carga de pangaré no colo. Mas é esse o papel deles, fingir que está tudo bem. Com o salário que estão ganhando fazem sem nem ficarem corados. 31/12/2018 acaba o contrato dos dois e fica a torcida com a frustração.

  4. A última piada é que o Carlos Cezar (lateral direito que fez apenas 2 partidas em 6 meses e praticamente morava no DM) vai voltar ao Atlético-mg para continuar o tratamento e a recuperação. Mas quem vai pagar o salário da tiriça até 12/2018? O Coritiba do Samir…

    1
  5. Por fonte segura, ontem na reunião do CD, o conselheiro Dimas deu no meio do Príncipe Namur.

    Com vários questionamentos o Príncipe Namur não respondeu nenhuma questão e apenas enrolou.
    O desespero é tão grande, que hoje tentaram pedir pinico para o Mito!!

    Parece que através do sem vergonha do Arauto da Oposição, vou te contar também esse Mito, parece que não aprende nunca mesmo!

    1. Já tinha escovado o Everest. Arauto na época pediu para poupar as críticas porque já tinha se aproximado do Mito em busca em pegar num microfone maior.

      Como você tem dito e comungo, o coxa merece uma Série D.

  6. Assim como o discurso do técnico Argel Fucks, o volante Vitor Carvalho declarou que o pensamento do Coritiba é jogo a jogo para chegar ao objetivo final de terminar a Série B entre os quatro colocados.

    Atualmente, o Coxa tem 37 pontos e precisa de nove vitórias nas últimas 10 rodadas para voltar à primeira divisão.”Nós temos possibilidades ótimas supresímas!! 37 P: 9+ 46=+1=47, e seria 63 pontos.

    Abraços Eduardo

  7. Perderam a oportunidade de fazer uma UNIÃO quando não expulsaram do quadro associativo os surfistas.

    Se realmente levassem a serio a frase , CORITIBA ACIMA DE TUDO E DE TODOS, a renuncia do quinteto azul seria de primordial importância, até para se fazer um outro planejamento para o club, uma revisada total no estatuto também seria de suma importância.

    Há como eu queria apenas a oposição que tem o MCP, no água verde no CORITIBA. De resto de ultima reunião foi tudo BALELA. Tirando o DR Dimas que foi o único que teve Peito de fazer perguntas, contundentes aonde o Namur se enroscava para se responder.

  8. Mais uma vez não vão usar a lógica para escalar o time do Coritiba. No ataque, ou em posições mais avançadas, vão escalar quase só jogadores que não marcaram nenhum gol até agora, como Chiquinho, Jean Carlos, Alecsandro. Somente o Guilherme Parede é que tem muitos gols pelo time até agora e é realmente o melhor do ataque. O Yan Sasse, o Alison que já marcaram alguns gols não serão escalados e pouco participam dos jogos. Assim é jogar para apenas empatar, ou por uma sorte ganhar por um a zero.

  9. Essa do Mito tem algo estranho os caras picharam ele e ele vem com essa conversinha de querer ajudar.

    Me lembro quando o Mito falava que tinha pego o club com dívidas de outras gestões, recebeu uma intimada depois mudou o discurso dizendo que todos os presidente fizeram o que tinha que fazer. Mentiu dizendo que o advogado dos poodles tinha indo na CBF para forçar o Coritiba emprestar o Couto foi desmentindo em rádios e nos veículos de comunicação não lembro do mito ter pedindo desculpas. E arrumou a vida da noiva do ano, dentro do Club.

    Volto a repetir: SE O CORITIBA ESTIVESSE ACIMA DE TUDO E DE TODOS,a renuncia do quinteto azul, seria primordial. Lembram do no dos 200 mil ninguém foi responsabilizado. UMA VERGONHA.
    Ou se renova o estatuto, ou merecemos de fato a serie C?

    1. Verdade Alba, vou fazer a correção, 85 e 2003 foram o nosso ápice. Já o de 98 foi bem melhor do que o de 89. Escrevi correndo sem pensar, mas era isso que eu queria dizer, o de 98 foi bem superior do time de 89.

      1
  10. Apenas para efeito de informação, saiu em alguns veículos de comunicação uma suposta UNIÃO, isso é MENTIRA não existe isso, de fontes seguras, não existe UNIÃO, estão mentindo e ludibriando a torcida.
    O Mito está lá, para ver se acalma um investidor cujo diz a lenda os compromissos não estão sendo honrados pelo quinteto azul.

    1

Deixe uma resposta